Sobre «media»

Ora esta...

 

 

      «Daí que ninguém possa afirmar saber o que será o porvir da imprensa. E se acaso a história nos permitir, uma vez mais, antever vagamente o futuro, há constantes que parecem evidentes. Que nenhum media desapareceu depois de um novo ter surgido. Que a evolução dos suportes físicos provocou sempre uma transformação dos media existentes e o lançamento de novos media. Que os meios dirigentes precisam sempre de uma informação de qualidade, de referência, e estão prontos a pagar por ela. E actualmente é a imprensa que propõe os melhores conteúdos e o melhor conforto de leitura. Permitir-lhe-á isso sobreviver?…» («Futurologias contrastadas», J.-M. Nobre-Correia, Diário de Notícias, 27.08.2011, p. 56).

      Em suma, media é invariável, é isso? Mas em que língua? Em latim não, decerto. E como não é português...

 

[Texto 427]

Helder Guégués às 09:20 | comentar | favorito
Etiquetas: