«Pela mão de/à mão»

Como são semelhantes...

 

      «José Pedro era comendador à mão de Jorge Sampaio», disse ontem Ana Lourenço no programa 360º, na RTP3. Confusão com expressões semelhantes: a jornalista queria dizer pela mão de, ou seja, por intervenção de; por iniciativa de. Já à mão significa ao alcance, ao dispor. Nem sequer a expressão correcta seria a minha escolha, como também não foi a de Mário Lopes no Público de hoje, que escreveu que os elementos dos Xutos & Pontapés foram tornados comendadores, «cortesia do então Presidente da República Jorge Sampaio, em 2004».

 

[Texto 8423]

Helder Guégués às 17:49 | comentar | favorito
Etiquetas: ,