AO90 cego e surdo

A cada Natal

 

      «Neste ano, as festas iniciaram-se a 26 de agosto e, como manda a tradição, terminam a 24, com a procissão dedicada à padroeira da freguesia. Até lá, há muita animação: concertos gratuitos para toda a família e para um público mais jovem – até esse dia vão atuar os Amor Eletro e Tiago Bettencourt, entre outros –, eventos desportivos, um festival de tunas, ranchos folclóricos, teatro de rua, lançamento de livros, cinema ao ar livre, e muito mais» («Já não há cavalos mas ainda se faz [sic] bons negócios na Feira da Luz», Filomena Naves, Diário de Notícias, 10.09.2017, p. 45).

      Não sabia que o grupo de Marisa Liz tinha mudado de nome. Já não é Amor Electro? A aplicação cega do Acordo Ortográfico de 1990 brinda-nos com estas coisas ridículas. Alguém avise Filomena Naves, porque eu só a encontro a cada Natal, ainda faltam mais de cem dias.

 

[Texto 8141]

Helder Guégués às 10:46 | comentar | favorito
Etiquetas: ,