«Incubar/encubar»

Até ao fim dos tempos

 

      Evidentemente, não é só de melhores dicionários que precisamos, mas de falantes mais competentes, sobretudo se são jornalistas: «Abraham Poincheval é o nome do artista francês que, durante três semanas, vai virar galinha. Sim, galinha. E como? Ao encubar 10 ovos com o seu próprio calor corporal até que ecludam. O artista irá ficar dentro de uma vitrina, no museu Palais de Tóquio, em Paris, e pode ser observado pelos curiosos que o visitem, conta a BBC» («O artista que vai chocar 10 ovos em Paris», Observador, 30.03.2017, 12h06).

      O artigo cita um artigo da BBC, onde se lê: «How? By incubating 10 eggs with his own body heat.» Como é que o jornalista não consulta um dicionário? Como é que, caramba, não repara na ortografia da palavra inglesa? Encubar é recolher em cuba, envasilhar; incubar é chocar ovos. São, por isso, parónimos, ou seja, palavras que se aproximam na ortografia e na pronúncia, mas com significado diferente. Será sempre necessário, até ao fim dos tempos, continuar a falar das coisas simples, básicas.

 

[Texto 7740]

Helder Guégués às 22:58 | comentar | favorito
Etiquetas: ,