«Júri/jurado»

Isto é que se pega

 

 

      «Investigadora e docente universitária na Autónoma e júri do prémio Fnac/Teodolito, Dóris Graça-Dias trabalhava há anos numa nova organização do Livro do Desassossego de Bernardo Soares e preparava-se para editar na Abysmo um novo livro de contos intitulado As Perguntas e reeditar As Casas (a arquitetura das casas como símbolo do universo interior dos homens era um dos seus temas de eleição)» («Escritora deixa um universo à espera de ser redescoberto», Joana Emídio Marques, Diário de Notícias, 13.08.2014, p. 35).

     Este é outro dos maus exemplos que se pegam facilmente. Quando é que os jornalistas — sobretudo eles, porque também são eles que mais o divulgam — aprendem a diferença entre «júri» e «jurado»?

 

[Texto 4930]

Helder Guégués às 10:31 | comentar | favorito
Etiquetas: ,