Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

«Linguagem criminal»

Eh lá

 

 

      «O culpado tem um rosto e uma voz, pois deu logo a cara e reclamou logo, com irrepremível orgulho, que era ele. Alegou até, usando linguagem criminal, ter actuado em “legítima defesa”, pois “eles ainda nos tiravam mais dinheiro se andássemos a mostrar o jogo”» («O carnaval madeirense», Carlos Fiolhais, Público, 7.10.2011, p. 38).

      «Linguagem criminal?» Valha-o Deus, homem! Isto é, senhor professor doutor.

 

[Texto 555] 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Helder Guégués 07.10.2011 17:17

    Também fiz o mesmo raciocínio — mas não estabilizei.
  • Sem imagem de perfil

    Venâncio 07.10.2011 17:40

    ;)
  • Comentar:

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.