«Relógio astronómico»

O de Praga é famoso

 

 

      «Já a EDP Distribuição refere que este tipo de medidas “tem sido seguido por vários municípios do país ao abrigo de uma política de eficiência energética” e que, no caso de Alenquer, a questão tem sido discutida em reuniões com o executivo camarário. De acordo com a empresa, estão em curso duas medidas solicitadas pela autarquia. Uma prende-se com a regulação, através de “relógios astronómicos”, do período em que as lâmpadas estão acesas; outra com o corte da iluminação em loteamentos sem casas construídas» («Câmara de Alenquer ameaça retirar lâmpadas dispensáveis se a EDP não o fizer», Jorge Talixa, Público, 25.11.2011, p. 33).

      Relógios astronómicos para regular o tempo que a iluminação pública está ligada? As aspas desresponsabilizadoras querem dizer que foi esta a informação dada pela EDP, mas que o jornalista tem dúvidas?

 

 

[Texto 723] 

Helder Guégués às 08:57 | comentar | favorito
Etiquetas: