Léxico: «espalhafatar»

Incompletos

 

 

      «Os brados e o estrépito do arruído ouviam-se distintamente. A rua e o largo estavam inteiramente desertos. Apenas se via sentada na ombreira de uma porta uma mulher já de idade, chorando e espalhafatando em altos brados de aflição» (A Última Dona de S. Nicolau, Arnaldo Gama. Porto: Casa Editora de A. Figueirinhas, Lda., 1937, p. 196).

      Lá está no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, como está noutros, mas um dicionário, ainda que bom, sem abonações é só meio dicionário.  

 

[Texto 2544]

Helder Guégués às 20:51 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: