05
Abr 13

«Discordar de/concordar com»

E por erros estapafúrdios...

 

 

      «Atenção que não me estou a referir aqui a diferenças políticas, desentendimentos ideológicos ou divergências quanto ao zeitgeist. Qualquer um de nós é capaz de reconhecer inteligência em pessoas com as quais discorda profundamente. Do que eu falo é de uma outra coisa — é de gente que acumula os erros mais estapafúrdios, oferecendo o flanco para ser parodiada por qualquer indígena (eu incluído)» («A primavera do PS e o gonçalvismo do PSD», João Miguel Tavares, Público, 5.04.2013, p. 53).

      O verbo «discordar» rege a preposição «de»: discordar de. O verbo «concordar» é que pede a preposição «com»: concordar com.

 

[Texto 2742]

Helder Guégués às 14:56 | comentar | ver comentários (4) | favorito
Etiquetas:
05
Abr 13

Sobre «maple»

A moda já passou

 

 

      «Notem os desnacionalizados de Portugal que ninguém por cá chama às poltronas essa coisa ridícula de maple, simples marca inglesa de poltronas feitas para exportação» (A Língua Inglesa e a Vida em Londres, Vasco Botelho de Amaral. Lisboa: Centro Internacional de Línguas, 1958, p. 13).

 

[Texto 2741]

Helder Guégués às 14:54 | comentar | favorito
Etiquetas: