19
Jul 13

«Barreiro», «balado»...

Abalado fico eu

 

 

      «O promotor da quinta de resgate de animais SOS Equinos, na Palhaça (Oliveira do Bairro), aponta para amanhã uma batida, com envolvimento de voluntários que pretendam colaborar, nos pinhais e nos barreiros da região, em busca do Marreta» («Encontrar ‘Marreta’ pode valer recompensa», Júlio Almeida, Diário de Notícias, 19.07.2013, p. 20).

      Terreno argiloso ou terra alta e seca? Bem, não sei. Na mesma página, a notícia de mais uma morte causada pelo despiste de um tractor. «“O condutor ficou por baixo do trator, após uma queda de dois a três metros, num balado”, informaram os bombeiros [de Valença].» (Só agora é que vi, nesta troca de vv por bb, o comentário da leitora Patrícia. Francamente...)


  [Texto 3099]

Helder Guégués às 22:34 | comentar | favorito
Etiquetas:

Sobre «tríade»

Chamem um sinólogo

 

 

      «Wan Kuok Koi, mais conhecido por “Dente Partido”, e líder da tríade 14 Quilates (14K), que controlava o jogo em Macau, revelou ter dado mais de 9,5 milhões de euros a políticos portugueses» («Mafioso macaense financiou políticos», Diário de Notícias, 19.07.2013, p. 11).

      Muito me surpreende que não figure já em algum dicionário da língua portuguesa. Está nos de língua inglesa: «any of several Chinese secret societies, esp one involved in criminal activities, such as drug trafficking». Bem, não está nos de língua portuguesa, mas usa-se. Já o Sr. Dente Partido, o seu nome escreve-se Wan Kuok-koi.


  [Texto 3098]

Helder Guégués às 18:58 | comentar | favorito
Etiquetas:
19
Jul 13

Ortografia: «chichi»

Pois é

 

 

      «E se tivermos vontade de fazer chi-chi, não podemos?» («Exames do 4.º ano: educar para a perversão», Leonor Arroio Malik, Público, 19.07.2013, p. 49).

      Senhora pedagoga, tenha paciência, mas é «chichi» que se escreve. Só me dou ao trabalho de o dizer porque não é raro ver a palavra incorrectamente escrita. Ah, e vejo aqui que a 50.ª edição do Prontuário Ortográfico e Guia da Língua Portuguesa, de Magnus Bergström e Neves Reis, continua a advertir que «chichi» é diferente de «xixi».

 

  [Texto 3097] 

Helder Guégués às 05:21 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: