Tradução: «copygirl»

Ora esta

 

 

      «Filha de imigrantes libaneses, Helen Thomas nasceu no Kentucky e cresceu em Detroit, numa família de nove filhos. No fim dos estudos, em 1942, mudou-se para Washington, onde arranjou emprego como copygirl no defunto Washington Daily News» («Morreu aos 92 anos a jornalista americana Helen Thomas», Rita Siza, Público, 21.07.2013, p. 56).

      Ora querem lá ver que não tem correspondência em português? Nada de remotamente parecido?


  [Texto 3104]

Helder Guégués às 06:00 | comentar | ver comentários (2) | favorito
Etiquetas: