«À droite à gauche»

Numa rápida sucessão

 

 

      «On baise à droite à gauche», escreve Houellebecq: «fode-se a torto e a direito». Sem conjunção, ainda percebo; mas também sem vírgula? O Dicionário Francês-Português da Porto Editora regista «à doite et à gauche», à direita e à esquerda; de todos os lados; em todo o lado. No Diário de Maria: «Já não sou acompanhante, embora continue a foder a torto e a direito.» (Lisboa: Oficina do Livro, 2013).

 

  [Texto 3280]

Helder Guégués às 20:21 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: