11
Mai 14

Tradução: «zest»

E é nosso

 

 

   Perguntam a Miguel Ângelo qual a bebida para o dia: «Gin (dentro dos London Dry e apenas com menta ou zest de tangerina)» («Notícias Magazine»/Diário de Notícias, 11.05.2014, p. 12). Também temos: zesto («camada externa e odorífera dos frutos hesperídeos (laranja, limão, etc.)», lê-se no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora) ou, o que acho muito interessante, vidrado.

 

[Texto 4540]

Helder Guégués às 17:58 | comentar | ver comentários (2) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

«Mestre destilador»

Ambos alemães

 

 

    «É destilado em Hamburgo, produzido manualmente na Altonaer-Sprirituosen-Manufaktur [sic], mas na verdade a sua essência é bem portuguesa. Porquê? Porque os ingredientes do Gin Sul vêm da Costa Vicentina. Quase três mil quilómetros separam os dois locais, mas este é um bom casamento à distância. Stephan Garbe conta que tudo começou com o bacalhau grelhado da dona Alice, nos arredores de Lisboa – foi talvez aí que se apaixonou por Portugal. Viajou pelo país, aprendeu a falar a língua e acabou entre cá e lá. [...] “Deixei o meu emprego, juntei as minhas poupanças e aprendi com um Master-Distiller a arte da destilação” [diz] Stephan Garbe» («Notícias Magazine»/Diário de Notícias, 11.05.2014, p. 10).

    Talvez Stephan Garbe não acredite, mas em português pode dizer-se «mestre destilador». A Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira fala mesmo de um luso-alemão, Leopoldo Manillius Wagner, industrial de licores e mestre destilador, fundador da Fábrica de Licores Âncora, no Beato. O gim Sul é engarrafado manualmente em garrafas de grés vitrificado, tal como a genebra da Âncora, garrafas que depois eram transformadas, ainda me lembro de uma em casa da minha avó paterna, em botijas de água quente.

 

[Texto 4539]

Helder Guégués às 17:38 | comentar | ver comentários (2) | favorito | partilhar
Etiquetas:

«Piano de parede»

Menos comum

 

 

      «– Tens de continuar a tocar – insistiu Libor, comprando-lhe um piano de parede [upright] Steinway e candelabros dourados num leilão no sul de Londres» (A Questão Finkler, Howard Jacobson. Tradução de Alcinda Marinho. Porto: Porto Editora, 2011, 2.ª ed., p. 21).

   É certamente menos comum, mas é designação correcta para piano vertical. Quanto mais variedade, sinónimos, formas de expressão, melhor. O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora não o regista. No entanto, regista e distingue «piano de armário» e «piano vertical», que para mim sempre foram duas designações do mesmo tipo de piano.

 

[Texto 4538]

Helder Guégués às 15:29 | comentar | ver comentários (1) | favorito | partilhar

«Mais bem/melhor»

Merken Sie

 

 

     «Der Gebrauch von melhor und pior vor einem Partizip ist weniger korrekt. Mais bem und mais mal sind in diesem Falle die richtigen Formen» (Portugiesische Taschengrammatik, Willy Paulik. Munique: Max Hueber Verlag, 1998, p. 41).

   Já tivemos oportunidade de dizer, lembram-se decerto, a Paulo Rangel que não é assim; desta vez, o recado é para a Sra. Merkel e para todos os alemães que estudam a língua portuguesa.

 

[Texto 4537]

Helder Guégués às 13:23 | comentar | ver comentários (3) | favorito | partilhar
Etiquetas:

Hebreu, israelita, judeu...

Não desta vez

 

 

   «Amos Oz, um dos mais célebres escritores israelitas, classificou como “hebreus neonazis” os extremistas judeus que perpetraram uma vaga de atos racistas contra muçulmanos e cristãos. Oz falava em Telavive» («Critica “hebreus neonazis”», Diário de Notícias, 11.05.2014, p. 23).

     Conseguiram enfiar tudo dentro do mesmo saco, desta vez, porém, sem toda a culpa, porque Amos Oz disse mesmo «קבוצות ניאו נאציות עבריות». Parece que escolheu bem o pseudónimo: עוז (Oz) significa «força, coragem».

 

[Texto 4536]

Helder Guégués às 13:07 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas:

Tradução: «flex muscles»

Mais devagar

 

 

    «Se tivéssemos conhecido Brecht em 1920 tê-lo-íamos achado um jovem grosseiro, alguém que usava as suas habilidades verbais como um meio de conquista sexual da mesma maneira que outros homens conseguem impressionar algumas mulheres fletindo os músculos [flexing their muscles] ou exibindo o seu dinheiro» («As imperfeições de Brecht serviram a sua genialidade», A. Ashton, tradução de Cristina Queiroz, «Quociente de Inteligência»/Diário de Notícias, 10.05.2014, p. 16).

    É assim que dizemos, «flectir os músculos? Em inglês, não há dúvida, é «to move or tense (a muscle) by contraction». «O corpo de Palmares arqueou-se, desenrolou-se, crescia, a fazer músculo e despertando em Marinela um grande desejo de ir estirar-se a seu lado, no relvado macio e morno de sol, ao que ela resistiu, numa espécie de pudor de se sentir, inesperadamente, deslocada num espaço que lhe pertencia» (Valéria, Valéria, Júlia Nery. Lisboa: Editorial Notícias, 1998, p. 125).

 

[Texto 4535]

 

Helder Guégués às 10:17 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas:

Tradução: «bad egg»

Não é apenas no Pokémon

 

 

     «Quando Eleanor [Marx] finalmente decidiu que não tinha futuro com Lissagaray foi de mal a pior, caindo nos braços de Aveling, um socialista inglês e uma má peça [all-around bad egg] em todos os aspetos» («Karl Marx chamava à filha “cidadão global”», A. Ashton, tradução de Cristina Queiroz, «Quociente de Inteligência»/Diário de Notícias, 10.05.2014, p. 12).

      À letra, ovo choco. Aqui, contudo, é expressão popular: má peça, má rês ou, como é mais habitual, não ser boa rês.

 

[Texto 4534]

Helder Guégués às 09:58 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas:

Léxico: «quadricóptero»

Tinha pois

 

 

      «Excluindo os aparelhos mais básicos, destinados a crianças, o preço médio das versões comerciais começa nos 250 euros. Valor que paga o essencial para ter um drone pronto a voar, eventualmente equipado de origem com uma câmara capaz de produzir vídeos amadores para publicar no YouTube. No entanto, o cliente acaba quase sempre por investir em alguns componentes que aumentam a fatura. O Parrot Air Drone [sic], um quadcóptero que pode ser comandado por um iPhone, iPad ou iPod (já começam a surgir versões com outras marcas para além [sic] da Apple) é um dos mais populares» («Drones: um ‘hobby’ e um negócio na moda em Portugal», Pedro Sousa Tavares, Diário de Notícias, 11.05.2014, p. 26).

      O elemento de formação de palavras que exprime a ideia de quatro é quadri-, o jornalista tinha obrigação de procurar saber.

 

[Texto 4533] 

Helder Guégués às 09:38 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: ,
11
Mai 14

Léxico: «paredro»

E não só

 

 

    «Os deuses protetores da natureza eram Diana e Silvano, seu paredro masculino» («‘Os Cultos Romanos no Ocidente da Hispânia’», Pedro Marques, «Quociente de Inteligência»/Diário de Notícias, 10.05.2014, p. 10).

    Para o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, significa director, conselheiro, preceptor. Têm de rever o verbete. Vá lá, asinha.

 

[Texto 4532]

Helder Guégués às 09:36 | comentar | ver comentários (1) | favorito | partilhar
Etiquetas: