«A safe pair of hands»

Chefe a prazo

 

      «Sem revelar o que vai fazer na sua vida profissional, Portas gracejou, pedindo para não lhe perguntarem onde estará daqui a “dez anos” (numa alusão à Presidência da República). “Qualquer especulação” sobre o seu futuro com mais de seis meses “é no mínimo um atrevimento”, disse, deixando uma palavra para a sua sucessora, dizendo que há uma expressão inglesa que a define: “A safe pair of hands. É exactamente aquilo que muitos portugueses esperam de ti. Que sejas um par de mãos seguras a tratar de Portugal.”» («Na despedida, Portas defende que Portugal não deve “substituir” Angola», Sofia Rodrigues, Público, 13.03.2016, p. 9).

    Claro, tinha de ser uma expressão inglesa, traduzida ou não, para significar tão alto conceito.

 

[Texto 6679]

Helder Guégués às 23:46 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,