Mitomania/megalomania

Mentiras ou manias?

 

     «A certa altura, passou a endereçar os convites do museu em envelopes com as insígnias da presidência. Um traço da “mitomania” que lhe apontam os críticos? Ou uma consequência do “prolongamento excessivo do seu cargo, que lhe permitiu dominar a máquina de Belém”?» («O poder quase absoluto de Diogo Gaspar em Belém», Paulo Pena, Público, 6.07.2016, p. 5).

     É impressão minha ou há aqui — e vejo-a cada vez mais — confusão com «megalomania»? É que mitomania, veja-se em qualquer dicionário, é a tendência patológica/impulsiva para a mentira. Onde se vê aqui essa tendência? Diogo Gaspar teria antes a mania das grandezas — megalomania.

 

[Texto 6938]

Helder Guégués às 16:23 | comentar | favorito
Etiquetas: ,