11
Nov 16

Léxico: «cânone»

A regra, a medida

 

      Não está o Código de Direito Canónico ordenado em cânones, comparáveis aos artigos dos textos legislativos civis? Ora, salvo erro, não encontramos essa acepção em todos os dicionários. O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, por exemplo, não a regista. Já o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa regista: «Regra ou preceito que diz respeito à fé ou à disciplina religiosa.» Como temos aqui variantes, cânone e cânon, aproveite-se para dizer que muitos (ou todos?) dicionários dão como plural de ambas «cânones» — mas será mesmo assim? Será mesmo uma excepção à regra da formação do plural pelo acrescentamento de s nos substantivos terminados em vogal, ditongo oral e n?

 

[Texto 7233]

Helder Guégués às 22:18 | comentar | ver comentários (2) | favorito
Etiquetas: ,
11
Nov 16

Léxico: «auroque»

Totalmente extinto

 

      «As análises de ADN mostraram que o bisonte-europeu tinha material genético parecido com o bisonte-americano, por um lado, e com as vacas domésticas, por outro. Desta forma, os resultados apontaram para a existência de um cruzamento na Europa entre o bisonte-das-estepes e o antepassado das vacas modernas, o auroque, também ele já extinto desde em 1627» («Misterioso bisonte escondido à vista de todos na arte rupestre», Teresa Serafim, Público, 11.11.2016, p. 30).

      Extinto no mundo, extinto nos dicionários: no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa não o vão encontrar. Dir-se-ia ter origem no latim, mas não: vem do alemão Auerochs, «boi da planície».

 

[Texto 7232]

Helder Guégués às 21:36 | comentar | favorito