Léxico: «polemística»

E de novo «cúltico»

 

    «A necessidade de se impor e de agradar ao público, [sic] contribuiu em grande parte para o tom chocarreiro, humorístico e agressivo, de que dará reptidas provas nos seus primeiros escritos e em toda a sua polemística» (Camilo Castelo Branco: Roteiro Dramático dum Profissional das Letras, Alexandre Cabral. Lisboa: Edições Terra Livre, 1980, p. 83).

   Ora cá está, não precisamos de ir mais longe: este substantivo, polemística, não o vejo registado em nenhum dicionário ou vocabulário. Registam, isso sim, o adjectivo polemístico, que integra exactamente o mesmo sufixo, -ico, de cúltico, de que falámos aqui. Se bem formados, não devemos increpar o seu uso, tanto mais se, como era o caso, faz falta. Ou acaso existe na nossa língua outro adjectivo relativo a «culto»? E não vimos já aqui que Camilo criou muitos vocábulos? Façamos o mesmo, também por meio de processos correctamente gramaticais.

 

[Texto 7260]

Helder Guégués às 21:36 | comentar | ver comentários (4) | favorito
Etiquetas: ,