12
Abr 18

Chega «despenseiro»

Dispensamos

 

      Agora apareceu-me aqui, pela pena de um tradutor, o «dispenseiro» de um baronete. Se forem consultar o verbete bottigliere no Dicionário de Italiano-Português da Porto Editora, também encontram o termo «dispenseiro» como palavra correspondente em português... Mas sim, imagino que haja dispenseiros. Antigamente, ao que me parece, era mesmo a única grafia, o que poderá (?) explicar que o Aulete a registe e remeta para «despenseiro». Ora, mas isso não sucede com o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, pelo que o dicionário bilingue tem de ser corrigido.

 

[Texto 9046]

Helder Guégués às 21:58 | comentar | ver comentários (3) | favorito

Léxico: «pontapé de bicicleta»

Bicycle kick

 

      Vamos pôr a fita do tempo para trás, como agora ouço com frequência na rádio. Na semana passada, o golo de pontapé de bicicleta de Cristiano Ronaldo à Juventus teve merecido destaque mundial. Na altura, lembrei-me de ir consultar o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, mas, sem nenhuma síncope vasovagal pelo meio, não me lembro se o fiz ou não. Recordo-me vagamente de ter ficado com a ideia de que aquele dicionário o registava. Não regista. Não regista! Não regista? Não: não está nem em «bicicleta» nem em «pontapé». Pois é, então vão lá ao respeitabilíssimo Dicionário da Real Academia Espanhola para ver se não regista chilena: «En fútbol, remate o despeje de espaldas a la portería contraria, con los dos pies en el aire.» Afinal, já ligaram mais ao futebol.

 

[Texto 9045]

Helder Guégués às 18:53 | comentar | ver comentários (2) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «Barroso»

Mais precisão

 

      «O Grupo Consultivo Científico do Programa de Sistemas Agrícolas Tradicionais de Relevância Global (em inglês, Globally Important Agricultural Heritage Systems – GIAHS) declarou a região de Barroso, nome tradicional para a região entre Montalegre e Boticas, como património agrícola mundial» («Região do Barroso declarada património agrícola mundial», Olímpia Mairos, Rádio Renascença, 12.04.2018, 16h54).

      Não sei se faz sentido dizer que o Barroso, ou Terras de Barroso, é a região entre Montalegre e Boticas, pois estes concelhos são contíguos. Não seria melhor dizer que é a região que corresponde ao território dos concelhos de Boticas e de Montalegre? O Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora não deixa também de delimitar a área do Barroso, o que faz no verbete barrosão: «de Barroso, região portuguesa no Norte do distrito de Vila Real». É escusado dizer que ainda é pior, mais impreciso. Não é necessário acrescentar que por vezes se refere um Alto Barroso e um Baixo Barroso, como é ainda menos necessário falar nas cartas de foral, mas, no dicionário, pelo menos geograficamente deve ficar claro.

 

[Texto 9044] 

Helder Guégués às 18:03 | comentar | favorito

Léxico: «fotolivro»

É a oportunidade

 

      Na Antena 1, estavam há minutos a falar do fotolivro Lisboa, Cidade Triste e Alegre, dos arquitectos e fotógrafos Victor Palla (1922-2006) e Manuel Ramos da Costa Martins (1922-96). E tu, Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, não tens a palavra fotolivro, que eu sei muito bem.

 

[Texto 9043]

Helder Guégués às 14:43 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «alossauro»

Isso sabemos

 

     A Binoche et Giquello, em Paris, leiloou ontem dois fósseis de dinossauro — de um jovem alossauro e de um diplodoco —, que foram arrematados por mais de um milhão de euros cada. Não se sabe, como é habitual, o nome do novo proprietário. Algum milionário chinês. Uma coisa, porém, é certa: não foi a Porto Editora, que só tem um diplodoco.

 

[Texto 9042]

Helder Guégués às 11:44 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,
12
Abr 18

Léxico: «paleoparque»

Para ficares forte

 

      Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, só te quero lembrar de que, se registas geoparque, o que acho muito bem, também tens de passar a registar paleoparque, que tenho visto por aí e agora mesmo acabei de ouvir na Antena 1.

 

[Texto 9041]

Helder Guégués às 11:19 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,