Léxico: «açaflor»

Açaflor dos Açores

 

      «Por falar em açaflor (ou açafroa, a discussão é longa), os que não a conhecem fiquem a saber que é uma espécie de cardo que dá origem a uns estames que, uma vez secos e/ou esmagados, servem de tempero a pratos da gastronomia açoriana, em particular caldos de peixe. Além de acrescentar um aroma complexo e cativante, dá umas notas alaranjadas ao prato» («O perfume da açaflor», Edgardo Pacheco, «Sexta»/Correio da Manhã, 17-23.08.2018, p. 43).

      Será que os lexicógrafos sabem? Açaflor, lê-se no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, é «a flor do açafrão (Crocus sativus), cujos estigmas são utilizados para fins medicinais, culinários, etc.; açafrão». Hum... mais uma trapalhada? Então a açaflor não é, como vejo aqui e ali, a flor do cártamo (Carthamus tinctorius), parecida, de facto, com o cardo? (Nunca vi tantos cardos como agora em Castelo Rodrigo. Não será por acaso que há ali uma Quinta do Cardo, onde se encontra a vinha mais alta de Portugal.)

 

[Texto 9813]

Helder Guégués às 10:45 | comentar | favorito