24
Ago 18

Léxico: «Tigrés/tigré»

Língua e povo

 

      «Os Tigrés são a mais pequena minoria da Etiópia (6 % dos 102,4 milhões de habitantes), mas são eles, integrados na coligação Frente Democrática Revolucionária dos Povos Etíopes (FDRPE), etc.», é o que leio num artigo que estou a rever, e está certo. Para o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, contudo, tigré é somente «uma das línguas do Nordeste da África».

 

[Texto 9826]

Helder Guégués às 19:05 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

«Língua-mãe/língua materna»

Vá, telegrafem para o Mindelo

 

      «Eu mesmo já fui por diversas vezes repreendido por causa “dessa mania que tu tens de falar português, o crioulo é que é nosso”. Porém, quando chegam na terra em férias, logo regressam à língua dos países de acolhimento como se lhes fosse língua-mãe» («A ilha e os forasteiros – é praga mesmo», Germano Almeida, Diário de Notícias, 19.08.2018, 6h14).

     Tu quoque, Germane?! Língua-mãe não é o mesmo que língua materna (mother tongue, para a legião de anglófonos que nos segue). Comprovem-no em qualquer dicionário. Pode ser o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora: língua-mãe é a «língua que deu origem a outras línguas». Tud’ dreto?

 

[Texto 9825]

Helder Guégués às 17:22 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «tomilho-limão»

Delicioso e pouco conhecido

 

      A criancinha ficou deliciada com a salada de tomate-cereja, queijo e paio, regada com bom azeite. Espera, vamos ver se ela repara... «Que sabor magnífico é este?!» Era tomilho-limão (Thymus x citriodorus), que os lexicógrafos também não conhecem. Não o conhece, pelo menos, o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, que só regista tomilho-cabeçudo (Thymus pulegioides), também conhecido como erva-ursa.

 

[Texto 9824]

Helder Guégués às 09:54 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Tradução: «compound householder»

Isso não

 

      No original está compound householders, que o tradutor verteu por «proprietários compostos». Até podia ser que eu concordasse — se soubesse o que significa, em português, «proprietário composto». Juros compostos sei o que são. Alguém sabe se tem correspondência na nossa realidade, ou tem de se fazer uma nota de rodapé? Certo é que, nos dicionários de língua inglesa, se lê esta definição: «a householder whose taxes are included in the rent» (in Merriam-Webster). Então, para começar, nem sequer se tratará de proprietário, mas sim de arrendatário ou de (estamos no século XIX, atenção) chefe de família.

 

[Texto 9823]

Helder Guégués às 09:51 | comentar | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «montemurano»

Há, mas no Brasil

 

      Numa reportagem da SIC Notícias na aldeia de Mezio, Castro Daire, apareceu uma senhora a falar nas gentes montemuranas. Acham que o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora acolhe o vocábulo montemurano? Não o faz. Se queremos vê-lo, só em dicionários e vocabulários brasileiros (!), como o VOLP da Academia Brasileira de Letras. Como é que isto pode ser?

 

[Texto 9822]

Helder Guégués às 09:49 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,
24
Ago 18

Léxico: «fonoaudiologia»

Coitados dos leitores

 

      «Tenho aproveitado», afirma o actor Pedro Carvalho, a trabalhar actualmente no Brasil, «para fazer aulas de fonoaudiologia, investir em melhorar o meu inglês, passear, sair com amigos, ler ver séries... enfim, tudo o que não consegui fazer em nove meses» («“Nunca tive ‘padrinhos’ nesta profissão. Não posso descansar à sombra da bananeira”», Duarte Faria, «Sexta»/Correio da Manhã, 10-16.08.2018, p. 7).

      Pobre leitor, que vai ao Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora e não encontra fonoaudiologia. Nem fonoaudiólogo. No VOLP da Academia Brasileira de Letras: ✔.

 

[Texto 9821]

Helder Guégués às 08:57 | comentar | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,