23
Set 18

Léxico: «raquetada»

Ai que medo

 

      «Depois, [John McEnroe] atirou a bola para a bancada, deu uma “raquetada” na cadeira de descanso e duas nos copos das bebidas» («“Com tecnologia, podia ter gritado menos com os árbitros”», Rui Antunes, Visão, 30.08.2018, p. 77).

      Como não o viu em nenhum dicionário — o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora ignora-o —, o jornalista acagaçou-se. Sem medo, homem.

 

[Texto 9979]

Helder Guégués às 16:30 | comentar | ver comentários (2) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

Léxico: «tampico», de novo

Cá estamos outra vez

 

      «Na cozinha. Está aberta a guerra à loiça descartável de plástico e aí estão os substitutos: pratos, tigelas e talheres em farelo de trigo e uma escova para lavar a loiça em madeira e fibra de tampico» («Os negócios que nascem da guerra ao plástico», Sónia Calheiros, Visão, 30.08.2018, p. 73).

 

[Texto 9978]

Helder Guégués às 16:28 | comentar | ver comentários (3) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

Léxico: «ciberoperacional»

E muitos outros

 

      «E, tendo em conta o histórico de ciberguerra não assumida e as várias acusações contra grupos de ciberoperacionais alegadamente ligados a Moscovo, havia que prevenir uma eventual intrusão que os sistemas do MNE [Ministério dos Negócios Estrangeiros] não tivessem conseguido detetar» («Hackers espiam Negócios Estrangeiros», Hugo Séneca, Visão, 30.08.2018, p. 39).

      Já podem adivinhar que um tema destes proporciona muitos termos com o mesmo elemento. Dos que foram usados neste artigo, nem todos estão dicionarizados (mas o jornalista evitou as aspas): ciberespião, cibersegurança, ciberguerra, ciberataque, ciberfragilidade, cibercriminoso, ciberferramenta, ciberespionagem, ciberatacante, ciberarma, ciberexército, ciberameaça.

 

[Texto 9977]

Helder Guégués às 16:22 | comentar | ver comentários (3) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

Léxico: «alta-competição»

Ou todos ou nenhum

 

      «“Começa a haver uma preocupação e uma especificidade por parte das pessoas para melhorarem a sua condição física e aumentarem o desempenho desportivo”, explica Marco Santos, licenciado em Educação Física e Desporto e preparador físico de vários atletas de alta-competição (como os campeões nacionais Filipa Mendonça e Vasco Pascoal)» («A febre do padel», Rui Antunes e Sónia Calheiros, Visão, 13.09.2018, p. 72).

      Não acolheu já o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, este Verão, por sugestão minha, o termo alta-cozinha? Já o tenho dito: ou todos ou nenhum.

 

[Texto 9976]

Helder Guégués às 09:56 | comentar | ver comentários (1) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

Léxico: «sacádico»

Não é triste?

 

      «Segundo a mesma fonte, a PSP [paralisia supranuclear progressiva] afeta uma em cada 16 600 pessoas, e geralmente manifesta-se entre os 60 e os 70 anos, “com instabilidade postural e quedas, diminuição dos movimentos oculares sacádicos verticais e lentificação cognitiva”» («“É reaprender tudo outra vez”. António Cordeiro tem doença grave e incurável», Joana Capucho, Diário de Notícias, 21.09.2018, 17h43).

      Agora imaginem que eram atingidos por uma doença terrível como esta. Nem no Dicionário de Termos Médicos da Porto Editora ficariam a saber o que significa sacádico. Não é triste?

 

[Texto 9975]

Helder Guégués às 08:14 | comentar | ver comentários (4) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

Léxico: «edging»

Aguenta aí

 

      «EDGING. Pode não conhecê-la pelo nome, mas é a técnica que consiste em chegar ao limite da excitação e impedir que o orgasmo aconteça ali, naquele instante. Têm tempo para isso» («Sexo: estudo revela o tempo médio de duração do ato (e como estendê-lo)», Ana Pago, «Life»/Diário de Notícias, 21.09.2018, 6h21).

      Vamos já, já para as conclusões do tal estudo: a duração médio do acto sexual é de 5,4 minutos. Quanto ao nome da técnica, que porra ficarmos a sabê-lo só em inglês, não é?

 

[Texto 9974]

Helder Guégués às 08:13 | comentar | ver comentários (2) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,

Léxico: «caxineiro»

Saibamos esperar

 

      «Até que o moderador, que é o João Morales: “Julgo saber, João Rios [o poeta chama-se João Rios], que tu estiveste há não muito tempo nos Açores. Como é o mar dos Açores para um caxineiro? É o mesmo mar?” [...] O mesmo mar redentor e irado das Caxinas, que nos sustenta e leva tantos de nós – o mesmo mar, todo ele, e teria valido a pena (garante) percorrer aqueles mais de dois mil quilómetros por terra e ar mesmo que não houvesse sido possível ver mais nada senão esse mar que há tantas gerações mata a fome a caxineiros e açorianos, fazendo-se de vez em quando ressarcir com as vidas de mais três ou quatro deles» («As palavras do Regresso. Filhos do mar e da terra», Joel Neto, Diário de Notícias, 21.09.2018, 6h21).

      Ainda eu queria — empolgado como estava, ali perante aquele cenário grandioso, com as terras de Espanha lá ao fundo — que o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora registasse «escalhense»... Nem caxineiro, termo muito mais usado, acolhe. Desmancha-prazeres.

 

[Texto 9973]

Helder Guégués às 08:10 | comentar | ver comentários (1) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,
23
Set 18

Léxico: «corticeira»

Vamos continuar a ignorar?

 

      «Neste guia, divulgado numa altura em que continua por resolver o caso de alegado assédio moral infligido a uma funcionária de uma corticeira de Santa Maria da Feira, a CITE sugere que as empresas se comprometam com medidas capazes de prevenir o problema e de garantir que o assédio, quando surge, é resolvido em conformidade com a lei» («Regras contra o assédio poderão chegar aos recibos de vencimento», Natália Faria, Público, 21.09.2018, p. 25).

      Corticeira? Vamos ao Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora e lemos: «lugar onde se junta a cortiça para venda». Já chamei a atenção para este fenómeno linguístico, mas ninguém ligou. Agora, fala-se em eléctricas, financeiras, tecnológicas, corticeiras, etc., querendo referir-se às empresas que operam nesses sectores. À atenção dos lexicógrafos.

 

[Texto 9972]

Helder Guégués às 08:06 | comentar | ver comentários (2) | favorito | partilhar
Etiquetas: ,