Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linguagista

Léxico: «telerrastreio | teletriagem | telerreabilitação»

Todos teus, Porto Editora

 

      «Mais de 80% dos hospitais do SNS recorrem à telessaúde, sendo o telerrastreio e a teleconsulta os mais frequentes, mas os projetos de inteligência artificial ainda não chegaram a metade das instituições de saúde em Portugal. [...] Com menor expressão nos hospitais do SNS, surgem as áreas da teletriagem e da telerreabilitação, que serve para acompanhar e dar recomendações a doentes que estão em casa» («Telessaúde usada em 87% dos hospitais. Inteligência artificial não chega a metade», TSF, 4.06.2019, 9h20).

 

[Texto 11 477]

Léxico: «matéria escura»

Ou é por ser invisível?

 

      Nos 90 Segundos de Ciência, na Antena 1, estavam agora mesmo a falar (era o Professor José Matias-Lopes, do LIBPhys) em matéria escura. Se 90 % do Universo é matéria escura, talvez fosse conveniente que os nossos lexicógrafos lhe prestassem mais atenção e levassem a locução para os dicionários.

 

[Texto 11 476]

Léxico: «capital de giro»

Como estão enganados

 

    «Estas restrições apresentam-se formalizadas, obrigando à manutenção de determinados requisitos de capital de giro e de variáveis-chave financeiras» (Política Económica para as Privatizações em Portugal, António Sampaio Mello, ‎Diogo de Lucena, ‎Aníbal Santos. Lisboa: Verbo, 1990, p. 139).

      Há décadas que se usa entre nós a locução capital de giro, mas agora alguns brasileiros vêm reclamar que é só deles. Coitados. As melhoras. Aqui só temos dois problemas, ambos solucionáveis: não estar registada no Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora e estar mal dicionarizada noutros. (Sim, Porto Editora, regista também solucionável.)

 

[Texto 11 475]

Léxico: «distractor»

Distracção

 

      «A separação entre o Estado e a religião (ou uma religião em particular) é um tema que está ligado a este que temos estado a examinar e sobre o qual eu aproveito para dizer que me parece ser também um elemento distractor» («A diferenciação religiosa e o seu lugar na historiografia», Luís Aguiar Santos, in Lusitania Sacra. Da História Eclesiástica à História Religiosa. Lisboa: Universidade Católica Portuguesa, Centro de Estudos de História Religiosa, tomo XXI, 2009, p. 305). Porto Editora, andas muito distraída. ⇊⇊⇊

 

[Texto 11 474]

Léxico: «multivariado»

Faz falta, pois

 

      «No caso dos cereais de sequeiro, o modelo multivariado, usado para explicar o escoamento observado, retém duas variáveis independentes: (1) a quantidade de precipitação registada no período que antecedeu a recolha do volume de água escoado, a qual explica cerca de 65 % das variações observadas e (2) a precipitação máxima registada em 30 minutos» (Mudanças no Uso do Solo no Interior Centro e Norte de Portugal, António Campar de Almeida, ‎Adélia Nunes, ‎Albano Figueiredo. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2009, p. 57).

      E não se fala também em análise multivariada? Contudo, o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora não regista multivariado.

 

[Texto 11 473]