Léxico: «priónico | isoforma | scrapie»

Os erros de sempre

 

      «Tal como outras encefalopatias espongiformes transmissíveis, sabe-se que a scrapie atípica é causada pela conversão da proteína priónica normal fisiológica numa isoforma patológica. A interacção entre a isoforma patológica e a fisiológica é assim considerada o momento-chave na transmissão de priões, proteínas anormais que esburacam o cérebro e o deixam parecido com uma esponja» («Como teve origem a epidemia da doença das vacas loucas?», Teresa Sofia Serafim, Público, 8.02.2020, p. 36).

      Nos nossos dicionários, não estão registados nem isoforma nem o adjectivo priónico. Quanto a scrapie, em dois textos de apoio da Infopédia é usado como do género masculino e, o que é pior, com maiúscula: «As doenças mais vulgares, já identificadas como tendo origem priónica, são doenças do foro neurológico, como o Scrapie, que afeta os carneiros, a BSE (doença das “vacas loucas”) nos bovinos, o Kuru (típico de tribos canibais da Nova-Guiné) e a doença de Creutzfeldt-Jakob, nos humanos.» Ainda aparece no Dicionário de Português-Inglês, no verbete doida...

 

[Texto 12 795]

Helder Guégués às 12:00 | comentar | ver comentários (3) | favorito
Etiquetas: ,