03
Jul 20

Léxico: «astropartícula»

Chegámos às estrelas

 

      «Para já, a actual estratégia recomenda ainda que a Europa continue a apoiar os projectos de física de neutrinos no Japão e nos EUA e a trabalhar com a física das astropartículas e a física nuclear, numa colaboração com os países não-europeus» («Há luz, uma fábrica e um enorme anel no futuro da física na Europa», Andrea Cunha Freitas, Público, 20.06.2020, p. 33).

 

[Texto 13 654]

Helder Guégués às 10:00 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «apito de Galton»

Não ouvimos nada

 

      «O Apito de Galton, que assim viria a ser batizado em homenagem ao criador, permite emitir o que apenas cães e gatos estão aptos a ouvir. No caso dos cães, o nível de audição chega aos 45 khz (mais do dobro do ser humano), enquanto os gatos vão ainda mais longe nestas capacidades, até aos 64 khz (mais do triplo). A grande vantagem é que os donos podem, com um simples sopro inaudível a terceiros – por isso nada incomodativo –, comunicar com os respetivos animais de companhia, dando-lhes ordens de forma sibilina. Seja onde for, sem distúrbio algum» («O som a seu dono», Pedro Emanuel Santos, «Magazine»/Jornal de Notícias, 27.06.2020, p. 6).

 

 

[Texto 13 653]

Helder Guégués às 09:45 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «piramídio»

Vértices das pirâmides

 

      «Menos conhecidos, mas igualmente representativos, são os piramídios: os vértices de pirâmides e obeliscos. Eles próprios pirâmides em miniatura, eram normalmente feitos de granito preto polido, coberto com folha de ouro, para refletir os raios solares» («O brilho intenso e duradouro do metal amarelo», José Cabrita Saraiva, «b. i.»/Sol, 20.06.2020, p. 7).

 

[Texto 13 652]

Helder Guégués às 09:30 | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «leptolítico»

Ferramentas pequenas, delicadas

 

      «Originariamente, portanto, somos todos africanos, e foi na fase africana anterior às migrações para fora de África que se desenvolveu o homem comportamentalmente moderno, inventor da engenhosa cultura leptolítica (de pequenas ferramentas), que lhe permitiu sucessos insopesáveis na relação com o meio ambiente» («Anotações sobre racismo e raças», António Bracinha Vieira, Público, 20.06.2020, p. 12). «Queria pesquisar leptológico

 

[Texto 13 651]

Helder Guégués às 09:15 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «desglobalização»

Vá, agora ao contrário

 

      «No fundo, o abacaxi da Europa e o plano estratégico são duas faces da mesma moeda. A questão é como se repartir, e por quem, os milhares de milhões de euros que vêm da Europa. De resto, tudo continuará como dantes. É uma pena. Certos apoios, necessários, deveriam ser equilibrados com um horizonte estratégico. Dicilmente o serão. Fenómenos como a desglobalização, a robotização dos processos industriais e a sua influência sobre o emprego, a alta vulnerabilidade do turismo, ou a importância das PME serão faladas. Mas depois tudo será esquecido» («No país dos abacaxis», Fernando Sobral, «P2»/Público, 14.06.2020, p. 24).

 

[Texto 13 650]

Helder Guégués às 09:00 | ver comentários (2) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «bala de prata»

Não só para lobisomens

 

      «Fernando Medida tem toda a legitimidade para avaliar e criticar as medidas tomadas para tentar conter a pandemia na Grande Lisboa, afirma, nesta quarta-feira, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares. [...] “As respostas que vão sendo encontradas têm de ter o seu tempo para poder apresentar os seus resultados. Não existem balas de prata para resolver um problema desta natureza”, sublinha o também coordenador da região de Lisboa e Vale do Tejo para o combate à pandemia de Covid-19» («Duarte Cordeiro responde a Medina: “Não há balas de prata” para resolver a pandemia», Marta Grosso, Rádio Renascença, 1.07.2020, 8h55).

      Há entradas mais inúteis nos dicionários. Silver bullet, leio no Cambridge Dictionary, é «a simple solution to a complicated problem».

 

[Texto 13 649]

Helder Guégués às 08:45 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «sirtuína»

Coimbra University Press...

 

      «Adele terá experimentado a famosa dieta Stirfood, que consiste em consumir alimentos ativadores da sirtuina, enzimas que regulam o metabolismo celular e que têm propriedades rejuvenescedoras. Da lista de alimentos permitidos fazem parte o vinho tinto ou o chocolate preto» («Adele repete vestido antigo (e mostra como perdeu peso)», Máxima, 30.06.2020).

      Se até aquele berrão falta nos dicionários, o que acham que acontece com sirtuína? E, contudo, anda por aí até nos livros: «A sirtuína, SIRT1, é a mais extensivamente estudada nos mamíferos e tem um papel ativo no silenciamento de genes, na resistência ao stress, na inflamação, na apoptose, na senescência celular e no envelhecimento» (Manual do Cuidador, Anabela Mota Pinto, ‎Manuel Veríssimo, ‎João Malva. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2019, p. 47). (No rodapé da página da ficha técnica deste livro, Porto Editora, pode ler-se: «Universidade de Coimbra – Ensino a Distância».)

 

[Texto 13 648]

Helder Guégués às 08:30 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,

Léxico: «berrão»

Porcos e outros animais

 

      «O acaso colocou a descoberto em Duas Igrejas, no concelho de Miranda do Douro, uma figura zoomórfica que representa um berrão (porco) e que os arqueólogos datam entre os séculos IV e I a. C., foi hoje anunciado. [...] Segundo a arqueóloga [do município de Miranda do Douro, Mónica Salgado], existem várias teorias quanto ao significado e funcionalidade dos berrões que estão presentes na entrada dos castros» («Figura zoomórfica com mais de dois mil anos descoberta em Miranda do Douro», Observador, 1.07.2020, 15h41).

      Este berrão vem de «varrão», o porco não castrado, um regionalismo transmontano. Já esteve nos dicionários, mas deixou de pagar a renda e foi despejado, não é assim, Porto Editora? Já quanto a estes berrões, as estátuas proto-históricas de pedra (o da notícia é de granito), ainda nas palavras da arqueóloga, «podem ser representações de touros e porcos, existindo algumas exceções. Apresentam um caráter sacro-religioso, assentes na força, virilidade e combatividade». A conhecidíssima Porca de Murça — conhecida, em especial, pelos rótulos do vinho... — é um berrão. Em suma, faltam nos nossos dicionários pelo menos duas acepções de berrão.

 

[Texto 13 647]

Helder Guégués às 08:15 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,
03
Jul 20

Léxico: «paleomigração»

Chegou a vez deste

 

      «Os humanos são seres migratórios por excelência, e a história das paleomigrações está, em grande parte, por fazer» («Anotações sobre racismo e raças», António Bracinha Vieira, Público, 20.06.2020, p. 12).

 

[Texto 13 646]

Helder Guégués às 08:00 | ver comentários (1) | favorito
Etiquetas: ,