Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linguagista

Léxico: «encosto»

Não a tens?!

 

      «Na parte inicial da corrida, quando se davam as primeiras tentativas de fuga, Fedorov acelerou na frente do pelotão, antes de parar de pedalar repentinamente, algo que desagradou a Vergaerde, que deu um ‘encosto’ com o ombro ao cazaque» («Ciclistas expulsos por desentendimento nos quilómetros iniciais da Volta a Flandres», TSF, 4.04.2021, 14h57).

 

[Texto 14 923]

Léxico: «debatente»

Ouvida também ontem

 

      «Com frases assassinas, com setas envenenadas. Mas, se houve algumas, acabaram por não atingir o alvo, limitadas pelo espartilho do próprio debate. Dizem que é o modelo americano. Talvez, mas resulta muito mal, pois além de não permitir o desenvolvimento de uma ideia e a conclusão de um raciocínio, impede também a vivacidade do contra-ataque. O irritante sistema de luzes, acentuado pela verbalização do tempo restante, obrigam o debatente a transformar o seu pensamento numa formulação semântica que se situa algures entre o lugar-comum ancorado em números legitimadores e o sound bite prolongado» («O debate do boato», Paulo Cunha e Silva, Diário de Notícias, 5.02.2005, 20h55).

 

[Texto 14 922]

Léxico: «gonfaloneiro»

Isso é só uma parte

 

      Ladislau (1377-1414), rei de Nápoles, foi nomeado gonfaloneiro da Igreja por Inocêncio VII. A Porto Editora diz que é o «cargo de magistratura em algumas cidades italianas, na época medieval». (Será a melhor redacção? Então, por comparação, vejamos a definição de porta-estandarte: «pessoa que leva o estandarte; porta-bandeira».) Para o Diccionari.cat, é «dignitat o càrrec donat per l’Església a prínceps i alts personatges, delegats per a custodiar el gonfanó de la Santa Església». Na realidade, tem várias acepções, próximas, naturalmente. Aquela que a Porto Editora regista é esta do Treccani: «In partic., nel Medioevo, chi aveva in custodia il gonfalone del Comune. Il termine passò poi a indicare specifiche magistrature, soprattutto nelle città toscane: g. di giustizia, istituito a Firenze nel 1289 come capitano di mille armati posti a difesa dei magistrati del popolo contro i magnati, e poi, con gli «Ordinamenti di Giustizia», messo a capo del collegio dei priori, per divenire in seguito capo del governo civile fino all’avvento del principato».

 

[Texto 14 920]

Léxico: «subdeclarar»

E muito

 

      «Toda a gente conhecerá a expressão “espécie invasora”, mas, segundo os cientistas que publicam o impressionante resultado de um cálculo dos danos que estas espécies causam, serão ainda muito poucos os que valorizam esta ameaça ambiental e lhe atribuem a merecida importância. “Os custos das invasões biológicas continuam a ser largamente subestimados e subdeclarados”, constatam os investigadores, que acrescentam agora uma factura concreta à lista de danos causados por este problema ambiental» ​(«Mundo já pagou factura de mais de um bilião de euros por “invasões biológicas”», Andrea Cunha Freitas, Público, 2.04.2021, p. 31).

 

[Texto 14 919]

Léxico: «salvaterrense»

Também se usa

 

      «Foi o único município que alguma vez o Bloco de Esquerda liderou, de 2001 a 2013, e foi o município onde os bloquistas tiveram a sua maior votação a nível nacional nas eleições autárquicas anteriores (26,97%) – apesar de terem perdido a autarquia para o PS, por limitação de mandatos de Ana Ribeiro, Anita para os salvaterrenses. A antiga presidente da câmara ensaia agora o regresso aos paços do concelho de novo como independente à frente das listas do BE» («BE quer recuperar a terra onde tem mais votos», Miguel Marujo, Diário de Notícias, 28.09.2017, 00h54).

 

[Texto 14 918]