Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linguagista

Léxico: «ramé»

Ainda um dia...

 

      Não sei como chegou à palavra a tradutora, mas, actualmente, só um dicionário a regista, o Grande Dicionário da Língua Portuguesa dos Amigos do Livro, coordenado por José Pedro Machado. «Ramé, s. m. Mil. Ant. Projéctil empregado antigamente para destruir e desorganizar o cordame dos navios. Compunham-no duas balas ou meias balas de aço ou ferro forjado, fixadas na extremidade de uma haste de ferro.» Ainda chegará o dia — se entretanto não fizermos nada — em que se tem de ir à Biblioteca Nacional para consultar dicionários e vocabulários, porque os que tivermos estarão reduzidos ao essencial. E o essencial, como se sabe, é sempre pouco.

 

[Texto 15 705]

Léxico: «olimpiano»

Assim era ela

 

      Toda a gente sabe que Afrodite, a deusa grega da fecundidade, da beleza e do amor (tinha várias pastas naquele governo de coligação), não era boa de assoar. Era mesma cabra, vá. Mas o que eu queria mesmo lembrar-te, Porto Editora, é que olimpiano também significa, no contexto da mitologia grega, cada um dos deuses que habitam o Olimpo, e não somente, como registas, «relativo ao Olimpo, monte entre a Macedónia e a Tessália, olímpico». (Ah, sim, também não seria má ideia trazeres a expressão popular não ser bom de assoar para o dicionário geral.)

 

[Texto 15 704]

Léxico: «quicuio»

Não só de plurais

 

      «No Quénia, as mulheres kikuyus...» Alto! Claro que é lamentável um tradutor não saber que se diz «quicuio», mas quero aproveitar a oportunidade apenas para pedir uma coisa diferente: nem sempre a dificuldade é com os plurais, por vezes é a forma feminina que o falante procura num dicionário — e não a encontra.

 

[Texto 15 703]

Léxico: «espera»

Desespera

 

      As bancadas de carpinteiro têm um elemento essencial, que são as esperas (bench dog, em inglês, se querem saber), peças de madeira ou de metal que se encaixam num dos vários orifícios do tampo da bancada para prender, sujeitar o objecto que está a ser trabalhado (aplainar, lixar, fresar, etc.). São das mais elementares, quase um pedaço de cabo de vassoura, até às mais requintadas, de aço, alumínio ou de ferro forjado, e tanto de secção redonda como quadrada.

 

[Texto 15 702]

espera.png

Léxico: «fascização»

Depois do verbo

 

      O verbo já tu tens, Porto Editora: «Derrotado o movimento de luta contra a fascização dos sindicatos, em 18 de Janeiro de 1934, é também o anarco-sindicalismo e a sua influência no movimento operário que ficarão derrotados» (Elementos para a História do Movimento Operário em Portugal: 1930-1975, Ramiro da Costa. Lisboa: Assírio e Alvim, 1979, p. 28). Ouvida também no sábado passado, no programa Francisco Lyon de Castro: Maior Que a Censura, na RTP2.

 

[Texto 15 701]