Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linguagista

Léxico: «previsional»

Só não está onde devia

 

      «Claro que não me esqueço que no meio dos isolados podem estar muitos milhares daquele grupo de eleitores que normalmente querem e gostam de exercer o seu direito de voto. E muito bem! Mas também não posso fingir que não vejo que mesmo que o número previsional de isolados no dia das eleições, que é de 400 mil, só integrasse pessoas que querem mesmo votar, ainda assim estaremos a comparar 400 mil com quase 5 milhões» («#vaificartudonamesma», Manuel Serrão, Jornal de Notícias, 12.01.2022, p. 29). Previsional, que está nas previsões — mas não, Porto Editora, em todos os nossos dicionários.

 

[Texto 15 888]

Léxico: «quadradinho | lotador»

Coisas de Angola

 

      «Segundo contou à Lusa o jornalista António Sacuvaia, de manhã cedo eram visíveis nos bairros dos Zangos 2 e 3 e no Cacuaco, “paragens apinhadas” e filas de táxis azuis e brancos, transportes coletivos também conhecidos como “quadradinhos” e “candongueiros”, parados devido à greve convocada por três associações de taxistas. Sacuvaia relatou que alguns taxistas impediram outros colegas de trabalhar e alguns “lotadores”, jovens que se encarregam de lotar o táxi e preencher todos os lugares disponíveis, foram ameaçados e forçados a partir vidros e furar pneus das viaturas para que estas não pudessem circular» («Greve de taxistas em Angola marcada por vandalismo», Jornal de Notícias, 11.01.2022, p. 27).

 

[Texto 15 887]

Léxico: «geringonça»

Não esperemos mais

 

      «“Caso se mantenha esta situação de alguma intransigência entre uma esquerda que devia ser da convergência, há também outras soluções. Não está excluído, por exemplo, que possa haver uma maioria parlamentar que seja com o Livre, PAN e eventualmente até com o PEV, que já algumas vezes votou de maneira diferente do PCP no Orçamento. A isso nós poderíamos chamar uma ‘eco-geringonça’”, sugeriu Rui Tavares» («Rui Tavares propõe “eco-geringonça” que una Livre, PS, PAN e PEV», Ana Raquel Lopes, Jornal de Notícias, 9.01.2022, 9h02).

      A esta altura, Porto Editora, já não tenho dúvidas de que o vocábulo geringonça tem de ser dicionarizado neste sentido de solução política concreta. Quanto a «ecogerigonça», é, para já, para esquecer — não existe, provavelmente não existirá nunca. (Já que não perguntam: sim, o meu voto também será antecipado.)

 

[Texto 15 886]