Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linguagista

Léxico: «pau-papel | árvore-do-papel | arvoreta»

No cerrado

 

      «Dependendo das combinações da sua flora, a Serra Dourada pode abarcar distintos sub-Cerrados. O típico, o Cerradão ou as Veredas. Estas escondem água suficiente para irrigar as fantasmagóricas árvores de pau-papel e as distintas palmeiras que, a espaços, nos voltam a encantar» («Onde o cerrado ondula dourado», Marco C. Pereira, «Luz»/Nascer do Sol, 25.06.2022, p. 37).

      O pau-papel (Tibouchina papyrus) é uma arvoreta também conhecida como árvore-do-papel, endémica do cerrado brasileiro.

 

[Texto 16 691]

Léxico: «ganso-africano»

Nada mau: falta só um

 

      «A busca pela história completa da domesticação do ganso não termina aqui. A equipa de Masaki Eda [do Museu da Universidade de Hocaido, Japão] já tem planos para futuros trabalhos. Um deles é perceber melhor de que animal foi mesmo domesticado o ganso: terá sido do ganso-africano? Do ganso-bravo? Ou do ganso-campestre? Estes são os grandes candidatos por agora» («Os gansos estão entre nós há mais tempo do que se pensava», Teresa Sofia Serafim, Público, 13.03.2022, p. 23).

      Sim, nada mau, só falta, no dicionário da Porto Editora, o ganso-africano (Anser cygnoides), que, contudo, se encontra no Badoca Safari Park.

 

[Texto 16 690]

Pág. 1/77