Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Linguagista

Bando de javalis, pois claro

Assim se desaprende

 

      Veneno mais ignorância nunca pode dar coisa boa: «Este apresentador [José Alberto Carvalho] com o seu ar compenetrado, ainda que pouco inteligente, teve há poucos dias a seguinte tirada: “uma imagem surpreendente mas também divertida: um bando de javalis adultos e juniores (...)”. Ora, vindo da televisão onde os porta-aviões voam, não é de estranhar que os javalis possam também esvoaçar em bandos. Como se foram refrescar no Alqueva já não foi mau não ter dito que iam em cardume. Bando de javalis? É a bandalheira...» («O bando de javalis», Dora, a espectadora, «Boa Onda»/Correio da Manhã, 29.07-4.08.2022, p. 14).

      «Luelmo, ao que diziam, estava a ser atacado por um bando de javalis selvagens e defendia-se com a roçadoura, em grande dificuldade. Faltavam-lhes armas de precisão e tinham medo de atingir Luelmo com a metralhadora pesada» (Contos Vagabundos, Mário de Carvalho. Lisboa: Editorial Caminho, 2000, p. 93).

 

[Texto 16 699]

Léxico: «desfoque»

Agora vejo-o com frequência

 

      «O sensor de 20 MP, que foi ligeiramente atualizado da câmara [Olympus] E-M1 da geração anterior, oferece um pequeno aumento na nitidez e clareza. As lentes da linha profissional têm uma construção de alta qualidade e recursos desportivos como para-sol integrado, zoom suave, anéis de foco e visualização bokeh (desfoque de fundo)» («As melhores câmaras compactas de viagem para 2022», Tom O’Brien, National Geographic Portugal, 26.11.2021, 15h25).

 

[Texto 16 698]