«Ceia de Estado»?

Só duques

 

 

      «O Museu de Cera de Madrid está a considerar mudar no final da semana a figura de Inâki Urdangarin, genro do rei de Espanha e antigo jogador profissional de andebol, da secção da família real para a área do desporto, segundo informaram fontes da galeria ao jornal El País. O duque de Palma de Maiorca, como é também conhecido Inâki, será separado das figuras de cera do rei Dom Juan Carlos e das duas filhas – Elena e Cristina –, cujo conjunto representa uma ceia de Estado» («Museu de Cera. Figura de Urdangarin poderá mudar de sala», «P2»/Público, 16.12.2011, p. 19).

      Na imprensa espanhola, ora se lê Urdangarin ora Urdangarín. No Público, quiseram dar um cunho diferente ao primeiro nome: Inâki. Gente original. E depois da ceia dos cardeais, a ceia de Estado...

 

[Texto 837] 

Helder Guégués às 16:01 | comentar | favorito
Etiquetas: