«Havia» com verbo no pretérito

Preto no branco (e sublinhado)

 

 

      «O verbo haver é fonte permanente de erros», escreve Públio Athayde no Manual para Redação Acadêmica. Recomenda depois cuidado com vários casos, entre eles, este, já aqui discutido: «d) usa-se havia em locução verbal com verbo no pretérito imperfeito: Estava no cargo havia três anos; nunca: Estava no cargo há três anos» (Belo Horizonte: Editora Keimelion, 2002, p. 131).

      «A música de Pierre Boulez ocupou a segunda parte do concerto, com uma obra que havia quinze anos que não entrava em programas nacionais. Com a colaboração de uma equipa do IRCAM que se responsabilizou pela electrónica, Peter Rundel deu a escutar ...explosante-fixe... (1991-93) [...]» («Cinzelar, burilar, polir», Diana Ferreira, «P2»/Público, 18.01.2012, p. 8).

 

[Texto 977] 

Helder Guégués às 15:12 | comentar | favorito
Etiquetas: