Caimãs/Caimão

Para eles

 

 

      «O presidente executivo da Caixa Geral de Depósitos (CGD) justificou ontem, no Parlamento, a transferência dos depósitos do banco público que estavam na Madeira para as ilhas Caimãs e para Macau como a única forma de evitar perder os clientes não-residentes» («Ilhas Caimãs evitaram perda de clientes, diz a CGD», Público, 25.01.2012, p. 14).

      Eu pensava que em Portugal só dizíamos ilhas Caimão. Não posso é criticar o jornalista, pois é a ortografia recomendada no Livro de Estilo do Público.

 

[Texto 1013] 

Helder Guégués às 21:12 | favorito
Etiquetas: