Lourignac!

Acham isto normal?

 

 

      «A cooperativa conta apenas com três empregados fixos e não tem um departamento comercial, nem recursos para investir em feiras. A exportação não é, para já, uma opção, mas João Catela [presidente da direcção da Adega Cooperativa da Lourinhã] diz que a designação “Lourignac”, por alusão ao Cognac e ao Armagnac, pode ser uma boa ideia para os mercados externos. “[Há porém] quem critique por estarmos a afrancesar um produto nacional.”» («Na Lourinhã, o segredo do negócio da aguardente está em saber esperar», Carlos Cipriano, Público, 11.03.2012, p. 25).

 

[Texto 1205]

Helder Guégués às 06:48 | favorito
Etiquetas: