Sobre «nicles»

Indas ontem

 

 

      «Em Camilo (A corja, cap. VI, pág. 199) encontramos a palavra nicles que significa nada, coisa nenhuma: “E a respeito de espórtulas, nicles.” Nicles é o citado latim medieval nichil que se tornou nikel, nicle, e depois nicles com o s paragógico de certos advérbios populares: somentes, principalmentes, felizmentes, indas (indas me alembra, indas ontem: “Pois, abade, somentes lhe digo uma coisa.” (Cam., Eusébio Macário, cap. V, p. 74)» (Fatos da Língua Portuguesa, Mário Barreto. Rio de Janeiro: Presença Edições, 3.ª ed., facsimilada, 1982, pp. 165-66).

 

[Texto 1281]

Helder Guégués às 13:42 | favorito
Etiquetas: