Como se escreve nos jornais

«O próprio De Cantos»?!

 

 

      «Terminaram há dias, na Oporto, as Jornadas Cantianas. Dito assim, poder-se-ia pensar que uma instituição portuense acolheu um colóquio sobre o filósofo da Crítica da Razão Pura. Mas “cantianas” refere-se a Paulo de Cantos (1892-1972) e Oporto é um espaço lisboeta dirigido pelo artista plástico Alexandre Estrela. O próprio De Cantos, tão apreciador do siso como do riso, apaixonado por jogos de palavras, teria achado graça ao potencial equívoco» («Paulo de Cantos: a redescoberta de um gráfico de vanguarda», Luís Miguel Queirós, Público, 29.03.2012, p. 27).

 

[Texto 1287]

Helder Guégués às 00:55 | comentar | favorito
Etiquetas: