Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Pontuação

Mas não

 

 

      «O facto de o AO não concitar qualquer consenso nem contribuir para unificar seja o que for, é razão suficiente para, no mínimo, se suspender a sua aplicação e fazer respeitar a Constituição (que protege explicitamente a qualidade do ensino e o uso da língua nacional) e a Lei de Bases do Património Cultural (pela qual a língua, “fundamento da soberania nacional, é um elemento essencial do património cultural português”)» («A CPLP e a consagração do desacordo ortográfico», António Emiliano, Público, 19.04.2012, p. 51).

      Uma vírgula a separar o sujeito do predicado? Está-se mesmo a ver...

 

[Texto 1396] 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Helder Guégués 23.04.2012 21:23

    Sobre vírgulas, acabei de receber a informação de que esta obra acaba de ser lançada.
  • Sem imagem de perfil

    Montexto 23.04.2012 21:35

    Já agora, deixemos aqui uma referência à «Guia Alfabética da Pontuação», de R. de Sá Nogueira. Com vírgula ou sem ela.

    «Em seguida acusa-me Pinheiro Chagas (ainda que genericamente), de «procurar rebaixar o merecimento do escritor que todo o país exaltara», Eça, na ob. cit., «Ainda sobre a Academia», p. 297.

    A cada passo. Em Eça e em qualquer outro. Vírgula varia... 
  • Comentar:

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.