Como se escreve nos jornais

Dialectos das Portas do Sol

 

 

      «Não raro se imagina lá por fora que o português é simples dialecto do espanhol» (Meditações Críticas sobre a Língua Portuguesa, Vasco Botelho de Amaral. Lisboa: Edições Gama, 1945, p. 318).

      E, passado quase um século, o que se imagina cá dentro das outras línguas? Isto: «Por exemplo, a esplanada das Portas do Sol, em Alfama, oferece uma vista ampla sobre o rio e sossego, além de um curso intensivo em “estrangeiro” (inglês, espanhol e italiano são os dialectos mais escutados)» («Os mistérios de Lisboa ainda por desvendar», Diário de Notícias, 12.05.2011, p. 52).

 

[Texto 15]

Helder Guégués às 07:59 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: