Tradução: «suponer»

Também já vimos este

 

 

      «Segundo a historiadora [Isabel Soler], a expedição de Vasco da Gama supôs “uma ruptura do monopólio” do comércio com o Oriente, dominado pelos italianos, mas o império português foi mais marítimo do que territorial, com excepção do Brasil, onde teve uma presença semelhante à de Espanha no Peru e no México» («Navegador Vasco da Gama era “violento e irascível”», Diário de Notícias, 15.06.2011, p. 47).

      Não será à falta de aviso, pois já vimos este erro noutras ocasiões. O jornalista devia ter visto o verbete «suponer» num dicionário de língua espanhola e o verbete «supor» num dicionário de língua portuguesa. Chegaria a uma conclusão muito simples: são tantas as semelhanças quanto as diferenças. Sim, o étimo, supponĕre, é o mesmo. Suponere, no contexto, traduz-se por «representar». «Según la historiadora, el viaje de Vasco de Gama supuso “la ruptura del monopolio” del comercio con Oriente que tenían los venecianos.» «Venezianos», afirmou a autora, não italianos.

 

[Texto 159]

Helder Guégués às 12:39 | comentar | favorito
Etiquetas: