Ortografia: «entorse»

Com o inglês, temos de amochar

 

 

      «O primeiro dia foi “espantosamente calmo”. A ambulância não saiu do sítio e não houve situações graves. Normalmente, ali recebem jovens que ingeriram álcool em demasia ou que se magoaram nos moshes, mas, para já, só houve dores de cabeça, alergias ao pólen, uns “entorcezitos”» («Médicos tratam dores de cabeça e entorces», Diário de Notícias, 27.05.2012, p. 48).

      Além de errar a grafia da palavra «entorse», que é com s e não com c, o jornalista resolveu considerá-la do género masculino. Quanto aos moshes, temos de consultar um dicionário de língua inglesa, é claro. No Dicionário Inglês-Português da Porto Editora, encontro na entrada mosh: «coloquial moshar, dançar freneticamente». Moshar... Felizmente, esqueceram-se de entesourar o verbo no Dicionário da Língua Portuguesa.

 

[Texto 1596]

Helder Guégués às 09:24 | comentar | favorito
Etiquetas: