Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Francês, inglês...

Seguir-se-á o mandarim

 

 

      «A Santa Sé está em choque com a detenção de um dos poucos leigos do círculo interno de Bento XVI, com o próprio Papa a ressentir-se da traição de alguém que lhe era “próximo e querido”” [sic]. Paolo Gabriele, de 46 anos, foi detido no Vaticano na quarta-feira à tarde, depois de terem sido encontrados documentos secretos na sua casa» («Mordomo preso em cela sob Basílica de São Pedro», Susana Salvador, Diário de Notícias, 30.05.2012, p. 23).

      Até recentemente, os entourados com a língua portuguesa nestes casos usavam, sem problemas de consciência, o vocábulo francês entourage, agora felizmente esquecido. E «círculo interno» não será tradução à letra do inglês inner circle? Não chegará dizer «próximo» ou «do seu círculo»?

 

[Texto 1616]

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Montexto 31.05.2012 11:15

    Vê-se de tudo. Menos as formas vernáculas e tradicionais. Em todo caso, «íntimo» é preferível a «interior» (cf. «amigo íntimo». Até que venha um cheio de inventiva, criatividade e ideias novas, e evolva para «amigo interior»). 
  • Comentar:

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.