«Longíssimo»

Populares, dizem eles

 

 

      Mais chefes: «O chefe da diplomacia portuguesa sublinhou ainda que Joana Vasconcelos chegou “longíssimo pelo seu pé e ainda vai chegar mais longe porque é muito nova”» («Joana Vasconcelos é a rainha de Versalhes», Maria João Caetano, Diário de Notícias, 19.06.2012, p. 48).

      Aqui já o «chefe» está bem, até para variar e evitar formas mais espúrias. E agora vejam o advérbio «longíssimo», que algumas gramáticas previnem que é, juntamente com «pertíssimo», popular. É vê-lo na literatura. «Os montes que longíssimo se alcançam», escreveu Feliciano de Castilho. Mais perto de nós, António Lobo Antunes usa-o muitas vezes.

 

 [Texto 1705]

Helder Guégués às 21:05 | favorito
Etiquetas: