Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Como se escreve nos jornais

Mal vindimado

 

 

      «Assunção Cristas pegou na tesoura e no balde e foi cortar uvas numa vindima no Douro, para mostrar que está atenta às dificuldades que afetam a viticultura duriense. [...] No meio do valado, Assunção Cristas pegou na tesoura e no balde e lá mostrou que já sabe cortar uvas. Mas não evitou colher, mais tarde, um coro de protestos: 20 viticultores forçaram a entrada no Solar do Vinho do Porto, na Régua, na tentativa de falarem com a ministra da Agricultura, que ainda não tinha chegado ao espaço» («Ministra foi à vindima mas colheu coro de protestos», Diário de Notícias, 23.09.2012, p. 34).

      «Cortar uvas»?! Só um citadino, pouco lido e completamente desatento ao que se diz, é que pode escrever isto. E em relação a valado também tenho dúvidas. Valado é a vala, sebe ou elevação de terra que cerca uma propriedade. Era isso que o jornalista queria escrever?

 

[Texto 2132]

1 comentário

Comentar post