Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Linguagista

Sobre «(t)chau»

Então adeus

 

 

      Há dois temas sempre polémicos: o da pronúncia e o do gosto. Ambos se discutem, e muito. Por exemplo, não me imagino jamais a usar, para me despedir de alguém, um «chau» ou «tchau». Seria, para mim, quase como abdicar da minha personalidade. Para agravar esse ódio de estimação, acabei de o ver escrito «xau». Não deixam de me surpreender, os meus semelhantes (para usar uma expressão muito empregada pelo actor Ruy de Carvalho. Ah, sim, o i grego: peçam-lhe que abdique dele, vá lá).

 

[Texto 2133]

1 comentário

Comentar post