«Copeque», mas já foi «copeca»

Contou o Pápotchka

 

 

      Numa loja, duas senhoras conversavam esta manhã: «O arroz-doce ainda está em promoção, e por isso continua a não haver.» Fez-me lembrar aquela anedota do preço dos ovos na antiga União Soviética. Uma senhora entra numa loja e pergunta o preço dos ovos. O merceeiro responde-lhe que estão a 30 copeques a dúzia. «Ali na loja em frente estão a 26!» «Então porque não vai lá comprá-los?» «Não têm, estão esgotados.» «Pois então, quando eu não tiver, também os vendo a esse preço.»

      Em português, a centésima parte do rublo já se escreveu «copeca», que é a forma ainda hoje usada em castelhano.

 

[Texto 2238]

Helder Guégués às 16:30 | favorito
Etiquetas: