Tradução: «miscarriage»

Ganha a maioria?

 

 

      No Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora, podemos ler no verbete «desmancho» que é o termo popular para «aborto». Todos os abortos? No volume 2 da Biblioteca de Formação Popular (1968), leio: «O aborto pode ser espontâneo ou provocado; o espontâneo, que ocorre no início da gravidez, é denominado vulgarmente de “desmancho”» (p. 209). O Dicionário Houaiss em linha e a Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira, porém, afirmam (no caso desta, deduz-se) o contrário: desmancho é a interrupção voluntária da gravidez. Nos Estudos de Lexicologia do Português (Coimbra: Livraria Almedina, 1994, p. 55), Mário Vilela também afirma que «desmancho» é o aborto provocado. Que é a ideia que eu sempre tive. Cheguei aqui por causa da tradução do vocábulo inglês miscarriage, que o tradutor verteu por «desmancho», e, a avaliar pelo que vimos acima, mal, pois «when the interruption occurs spontaneously, it is clearer to refer to it as a miscarriage» (Maternal and Child Health Nursing: Care of the Childbearing and Childbearing Family, Adele Pillitteri. Filadélfia: Lippincott Williams & Wilkins, 2009, 6.ª ed., p. 555). Há-de haver, aposto, dicionários e outras obras que afirmarão que desmancho tanto designa o aborto espontâneo como o provocado.

 

[Texto 2249]

Helder Guégués às 11:18 | favorito
Etiquetas: