«Mandado/mandato»

Trapalhada

 

 

      «Trata-se de um tema noticioso em curso. A menos que um tribunal emita um mandato, o diretor de Informação do órgão em causa tem de autorizar (pelo menos isso) a cópia dessas imagens» («Um imbróglio tipo RTP», Joel Neto, Diário de Notícias, 23.11.2012, p. 52).

      Lamentável confusão entre mandato e mandado, de que já tratei vezes sem conta. Como é que alguém que escreve todos os dias para a imprensa cai numa destas? Pois é.

 

[Texto 2353]

Helder Guégués às 11:40 | comentar | favorito
Etiquetas: