Aspas injustificadas

Isto nunca mais acaba

 

 

      «O Tribunal Constitucional respondeu a 7 de Março a um pedido de “aclaração” de Macário Correia confirmando a perda do seu mandato de presidente da Câmara de Faro. Com esta diligência, o autarca esgotou os recursos para travar a decisão proferida pelo Supremo Tribunal Administrativo (STA) no Verão passado» («Esgotaram-se os recursos para travar perda de mandato», Idálio Revez e Ana Henriques, Público, 13.03.2013, p. 2).

      Só podem ser razões inescrutáveis as que levam os jornalistas a usar aspas nestes casos. Deixá-los.

 

[Texto 2667]

Helder Guégués às 14:06 | favorito
Etiquetas: