Ortografia: «Pirenéus»

Que do Pirene deçam

 

 

      Há realidades com que podemos contar sempre. Assim, estou habituado a ver o topónimo Pirenéus 50 % das vezes mal escrito e 50 % bem escrito. A rigorosíssima estatística mantém-se: «Hoje é dia de arraial no Estádio Comunal de Aixovall, no coração dos Pirinéus» («Espírito português no coração dos Pirenéus», Sérgio Pires, Diário de Notícias, 7.07.2011, p. 39).

      Se quer ser diferente, desiderato mais que legítimo, caro Sérgio Pires, escreva como os Brasileiros: Pireneus. Se se quiser mostrar camonista encartado, opte por Pirene. 

 

 

[Texto 278]

Helder Guégués às 00:21 | comentar | favorito | partilhar
Etiquetas: