«Evidências», de novo

É evidente

 

 

      O Ministério da Saúde agora quer que haja reaproveitamento de material médico, material de uso único, descartável. Agora é que é poupar. Manuel Valente, vice-presidente da AESOP (Associação de Enfermeiros de Sala de Operações Portugueses), disse ontem no Telejornal: «Contra todas as evidências, contra todas as recomendações da Comissão Europeia e do Parlamento Europeu e do Conselho da Europa, contra toda a evidência científica, está-se a tomar uma decisão que aparentemente pode ser insegura para os doentes.» Parece uma frase mal traduzida do inglês: evidences, apparently...

 

[Texto 2945]

Helder Guégués às 14:57 | comentar | favorito
Etiquetas: