«Indecoris causa»

Tem graça, mas o título?

 

 

      «Há algumas dúvidas sobre a origem deste pensamento. Provou-se que não é nem de Miguel Relvas (doutorado “indecoris causa” por várias academias) nem de Milton Friedman, o papa dos mercados, nem sequer dos dois alunos de Excel e estatísticas falsas Rogoff e Reinhart (não confundir com o inventor das pílulas de alho que te ajudam a respirar melhor, só não respires para cima de mim)» («Irregovável principiante velho», Rui Cardoso Martins, «2»/Público, 7.07.2013, p. 33).

 

[Texto 3060]

Helder Guégués às 15:33 | favorito
Etiquetas: